Exercício e Saúde por José Soares

Exercício e Saúde por José Soares

Exercício e saúde. A que faz bem?

Fala-se muito sobre exercício e saúde. Mas, em resumo, a que faz REALMENTE bem o exercício? Vejamos o que a investigação científica nos tem vindo a dizer:

  1. Melhora a saúde do seu coração. Como?

1.1 Reduzindo o risco de morrer precocemente. Ou seja, quem faz exercício regularmente tem uma esperança de vida, em média, superior a um sedentário da mesma idade;

1.2. O seu coração e sistema cardiovascular funcionam de forma mais eficiente. Para o mesmo trabalho gastam menos energia.

1.3. Diminui os sintomas da angina de peito e da insuficiência cardíaca

  1. Diminui os riscos de acidente cardiovascular. Como?

2.1. Diminui os riscos de diabetes e hipertensão. Dois dos factores de risco com maior influência na doença cardiovascular

2.2. Melhora a sensibilidade à insulina e regula de forma mais eficaz o açúcar no sangue em diabéticos

2.3. Diminui a pressão sanguínea em 8 a 10 pontos, seja na pressão sistólica como diastólica

2.4. Melhora os lípidos (vulgar gordura) sanguíneos (HDL, LDL, colesterol e triglicerídeos) conjuntamente com a medicação e dieta apropriada

2.5. Ajuda a controlar o peso e a perder massa gorda

  1. Melhora a sua força muscular e o seu bem-estar. Como?

3.1. Torna os seus músculos, ossos e articulações mais fortes e resistentes;

3.2. Aumenta a sua capacidade para realizar tarefas da vida diária, tornando-o mais independente e autónomo, especialmente a partir da terceira idade;

3.3. Melhora o seu equilíbrio, reduzindo o risco de quedas, e a flexibilidade, decisiva para as actividades do dia-a-dia

3.4. Melhora a sua postura (importante também para a diminuição do risco de quedas) e aumenta o seu tónus muscular;

3.5. Estes factores em conjunto ajudam-no a sentir-se mais confiante e com melhor auto-estima dado sentir-se mais activo e disponível para a vida na sua plenitude;

3.6. Diminui a ansiedade e atenua os sintomas de depressão. Permitindo, dentro de certos limites, diminuir severamente a medicação;

Para cumprir estes objectivos deverá, de forma geral:

  1. Realizar exercícios de características aeróbicas 30 a 40 minutos 3 a 5 vezes/semana;
  2. Reforçar a sua musculatura, com ou sem pesos, 2 ou 3 vezes por semana;
  3. Deverá aproveitar todas as sessões de treino para fazer alguns exercícios de flexibilidade e equilíbrio.

Simples, não é?

Já Publicado na Revista J no Jornal O JOGO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *